Ana Paula Pujol (@anapaulapujol) [similar]

Nutricionista, professora e palestrante. Atend. em consultório há 16 anos Autora dos livros Nutrição Estética e Manual de Nutricosméticos (47)33655531

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Receita do novo Ebook 🆕 de Chás! 🌱Chá diurético de hibisco com cavalinha ⏩1 litro de água; ⏩5 colheres de sopa (30g) de hibisco (Hibiscus sabdariffa) (flor); ⏩3 colheres de sopa (18g) de cavalinha (Equisetum arvense L.) (planta inteira e partes aéreas). ⏩Modo de fazer:
Leve um 1 litro de água ao fogo. Assim que começar a levantar as primeiras bolhas, (100°C) desligue. Quando a água atingir 85°C acrescente o hibisco e, então a cavalinha. Abafe por 10 minutos e coe em seguida. Consuma morno ou frio.
.
. 🚫 Contraindicações:
Hibisco (Hibiscus sabdariffa): não pode ser usado por gestantes e lactantes e mulheres em idade fértil que estejam tentando engravidar. .
.
Cavalinha (Equisetum arvense L.): não deve ser usada por pacientes com disfunção cardíaca ou renal. Não apresenta efeitos colaterais, quando usado em doses terapêuticas, porém não é recomendado o seu uso contínuo.
.
.
.
O ebook estará disponível para clientes IAPP+ e clientes do software de Nutrição @dietone7 🆓

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Feliz demais por retornar à São Luis, MA.
A turma está lotada! Obrigada pela confiança em nosso trabalho!
repost @institutoapp

Atenção São Luís, MA as vagas para o curso presencial de Dietas Low Carb e High Fat/Jejum intermitente que acontece no próximo sábado, 25 de março, com a Dra. Ana Paula Pujol estão esgotadas.

A aula vai acontecer no Veleiros Mar Hotel (Avenida dos Holandeses, Quadra 14, Lotes 1-2 - Ponta D'Areia) das 9h às 12h e das 14h às 18h30min.

Qualquer dúvida estamos à disposição.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Um artigo, publicado este ano mostrou os benefícios da combinação de iogurte natural probiótico com frutas.🍓🍌🍎 .
.
.
A combinação de iogurte probiótico e frutas poderia exercer um efeito simbiótico, fornecendo probióticos, prebióticos, proteínas de alta qualidade, ácidos graxos importantes e uma mistura de vitaminas e minerais que são essenciais para exercer efeitos sinérgicos para a saúde. .
.
.
O consumo de iogurte tem sido associado com redução do ganho de peso, menor incidência de diabetes tipo 2 e redução do risco para doenças cardiovasculares. .
.
.
Além disso, a substituição de lanches de alta energia e deficientes em nutrientes por frutas e iogurte poderia reduzir a ingestão de alimentos obesogênicos de alto teor calórico. .
.
.
⏩🙋Importante: o iogurte deve ter o mínimo de ingredientes possível (preferencialmente: leite integral, fermento lácteo e Lactobacillus). E não precisa ser desnatado.
.
.
.
⏩Evite os que tem adição de açúcar, corantes, frutas processadas e conservantes.E se possível, prepare o iogurte em casa.
.
.

#dica🔝 ⏩ o iogurte Probiótico normalmente é bem tolerado até por pessoas com intolerância à lactose.
.
.

#dica2 ⏩a resposta glicêmica de iogurte Probiótico sem açúcar é baixa.
.
.

#dica3 ⏩a associação de iogurte Probiótico sem açúcar com um carboidrato de alto índice glicêmico promove uma resposta glicêmica menor do que se o carboidrato fosse consumido isoladamente.
.
.

#dica4 ⏩ os carboidratos do iogurte não devem ser 100% contabilizados, pois aproximadamente 50% da porção de carboidrato que consta nos rótulos é absorvido (isso vale para opções sem açúcar e similares).
.
.
⏩Sugestões de marcas (prefira natural sem sabor): @yorgusgrego @bemlivre
@atilatte @verdecampo 📕Referência: Adv Nutr 2017;8(Suppl):155S–64S.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Dia 08/04 ministrarei uma palestra no 5 Congresso Brasileiro de Nutrição Estética @congressonutricaoestetica em Curitiba, PR.
Paralelo ao congresso haverá um simpósio satélite com entrada gratuita. ⏩Informações e inscrições diretamente com a @aformula_curitiba ⏩Email: congresso@aformula.com.br
⏩Fone: (41) 3154 8055

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Bom dia 😊! Hoje fui de mamão com aveia em flocos. Tão Simples❤️! A aveia em flocos é a forma menos processada da aveia.
.
.
Falo muito para meus pacientes e alunos da importância de consumir grãos na forma mais íntegra possível, ou seja, grãos menos processados. A aveia em flocos é o grão inteiro da aveia apenas prensado, por isso, conserva todos os nutrientes e fibras do grão. .
.
.
Carboidratos íntegros, denominados atualmente como carboidratos celulares, promovem menor resposta glicêmica e são mais favoráveis e acessíveis à microbiota intestinal.
#lowcarbmediterraneandiet
#lowcarb #lchf
#nutricaoestetica

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Oba!!!!👏👏👏🤗🤗🤗🤗 AULA GRATUITA!

O novo curso do IAPP sobre Fisiologia e bioquímica da Hipertrofia possui todo o conhecimento necessário para nutricionistas e educadores físicos trabalharem com pacientes que buscam o crescimento muscular. • Hipertrofia ocorre após a micro lesão causada pelo exercício físico;
• O exercício resistido é o principal estímulo para a micro lesão;
• A lesão tecidual gera uma resposta inflamatória que ativa as células satélites.

Acesse ➡️http://institutoanapaulapujol.rds.land/fisiologia-para-hipertrofia⬅️ e confira uma aula completa do curso!
Repost @institutoapp

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

🤗E muitos fitoquímicos, compostos biativos e nutrientes! 🌱🍃🌶️🤗
#lowcarb
#lowcarbmediterraneandiet
#lowcarbdobem

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

A falta de acordo sobre a definição de dieta low carb ou de baixo carboidrato tem sido uma barreira persistente para comunicação. .
.
A denominação low carb é baseada em práticas nutricionais que são realizadas com ou sem orientação  de um nutricionista e, por muitas vezes, disseminadas em mídias sociais como sendo um padrão dietético único.
.
.

O termo low carb também é utilizado em várias publicações científicas por pesquisadores que realizaram estudos experimentais que utilizaram de 20g a 130g de carboidratos ao dia ou de 5 a 44% do VET (Valor Energético Total).
.
.
Para fins educacionais e baseado em pesquisas científicas, a classificação que utilizo é: ⏩Low carb cetogênica ou muito baixa em carboidratos (VLCKD): Carboidratos de 20 a 50 g de carboidratos / dia ou 5 a 10% do VET ⏩Low carb restrita: 10 a  26% do VET de carboidratos ⏩Low carb moderada: 26%  a 44% do VET de carboidratos ⏩Dieta com teor normal em carboidratos:  45% a 65% do VET de carboidratos.
.
.
Além da distribuição em percentual, complementamos com a  avaliação da quantidade em gramas por kg de peso corporal dos macronutrientes, considerando que dependendo do peso do indivíduo ou do valor calórico da dieta as quantidades dos macronutrientes quando mensurados em % podem variar significativamente.
.
.
.
Quando o % de carboidratos em um plano alimentar é reduzido inevitavelmente haverá aumento do percentual de proteínas e/ou gorduras. Então a dieta pode ser ✅ low carb/high fat OU ✅low carb/high protein OU ✅low carb/high protein E high fat.🤔
.
.
.
A distribuição  dos outros macronutrientes será considerada conforme as características clínicas de cada paciente, objetivo e periodização do tratamento.
.
. ⏩Confira as datas agendadas para curso de Low Carb para nutricionistas promovido pelo @institutoapp
.
.
Próxima cidade: 25/03 São Luis, MA.
SP também está na programação para junho! Dá tempo para se programar e participar do curso se sua cidade não foi contemplada na agenda.😊

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

repost @institutoapp
Dica de suco para Diurético do Manual de Nutricosméticos da Dra. Ana Paula Pujol:
▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃
Ingredientes:
200 ml de água de coco
1 fatia grossa de melão
1 folha de couve-manteiga (sem talo)
1 coler (sopa) de folhas de hortelã
1 colher (sopa) de salsa crua
1 colher (sopa) de suco de limão
3 cubos de gelo

Modo de preparo:
Higienizar as frutas e verduras e bater tudo no liquidificador. Rende duas porções.
▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃▃
Além de receitas o Manual apresenta as formulações, fundamentação teórica e referências para cada desordem estética! Confira a nova versão revisada no site: www.institutoanapaulapujol.com

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Teresina, PI na agenda!😊 Repost @institutoapp
O curso presencial de Dietas Low Carb/Hight Fat e Jejum Intermitente já está rodando o Brasil.
Confira as próximas cidades e garanta sua inscrição. Não deixe para a última hora, as vagas são limitadas.

Inscreva-se no site: www.institutoanapaulapujol.com.br.

Lembrando que o curso é apenas para nutricionistas e estudantes de nutrição.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

▶️Quanto menor a velocidade em que a glicose chega na circulação após o consumo de determinado alimento (resposta glicêmica), menor o impacto da hiperglicemia no organismo. .
.
.
▶️Alimentos que possuem uma resposta glicêmica elevada são os amidos, presentes no pão, arroz, batatas, macarrão, etc.🍞🌽🍝🍚
.
.
. ▶️Quando o amido é cozido, sua estrutura química é alterada ocorrendo um processo chamado de gelatinização. .
.
.
▶️Grânulos de amido crus quando gelatinizados durante o cozimento, são rompidos aumentando a sua suscetibilidade à degradação​enzimática, ou seja, as enzimas do nosso corpo e do microbiota ("flora intestinal") digerem mais rápido aumentando os níveis de glicose no sangue. (Só que ninguém merece comer arroz cru né?)😮 .
.
.
▶️Entretanto, o resfriamento❄️ deste amido submetido ao calor úmido resulta em outra modificação química denominada retrogradação, aumentando o teor de amido resistente (veja imagem).👀 .
.
▶️Isso que dizer que o resfriamento na geladeira ou freezer❄️☃️ (pelo menos 24 horas) de fontes de amido, mesmo que reaquecidos aumentará o teor de amido resistente, um tipo de amido mais difícil de digerir reduzindo a resposta glicêmica (e também de insulina). Além disso, o amido resistente é excelente para a microbiota intestinal.😃 .
.
.
Está aí uma grande vantagem da comida requentada! 😉
.
.
.
Referência:Sonia, Steffi, Fiastuti Witjaksono, and Rahmawati Ridwan. "Effect of cooling of cooked white rice on resistant starch content and glycemic response."Asia Pacific journal of clinical nutrition 24.4 (2015): 620-625

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

BH, foi lindo🤗❤️! Deixei um pouco de mim e levei um pouco de vocês! Muito grata pela receptividade, carinho e acolhimento.🌷
Próxima cidade: São Luis, MA dia 25/03.
#lowcarb #lchf #jejumintermitente
▶️Patrocinadores Oficiais®️: @dietone7 @floratafarmacia @vitafornutrientes

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Tenho nos meus olhos lentes que me fazem enxergar apenas a cor AMARELA e você, lentes nos seus olhos que o permite apenas enxergar a cor AZUL. Para mim tudo é amarelo e para você é tudo azul. Cada um está certo dentro de sua capacidade e possibilidade no momento presente de ver aquilo que a mente compreende.
.
.
.
Não existe certo e errado. Mas se unirmos nossas lentes, ambos passamos a enxergar tanto a cor azul quanto a cor amarela e só assim, percebemos que NINGUÉM estava errado. Passo a conhecer o seu ponto de vista e passas a conhecer o meu. .
.
.
E mais, a junção das duas lentes cria ainda uma nova cor, a cor VERDE, a qual não existiria se não uníssemos as nossas lentes. .
.
.
Isso é o que acontece quando somos receptivos a idéias diferentes das nossa e quando nos damos ao trabalho de nos colocarmos no lugar do outro. Uma nova perspectiva é agregada.
.
.
.
Quando nos enchemos de certezas perante nossas verdades anulamos nossa capacidade de aprender. Temos a tendência de abrir os ouvidos apenas para os pensamentos que se assemelhem aos nossos, mas fazendo isso estamos apenas reafirmando o que JÁ SABEMOS. .
.
.
Construímos paredes ao invés de abrir horizontes. Homens convictos são prisioneiros.
.
.
.
Vamos nos abrir para o novo? A final, "é impossível para um homem aprender aquilo que ele acha que já sabe".
.
.
.
Esteja MENOS certo e MAIS aberto. Não exclua, agregue outras verdades e tenha mais possibilidades. (Rana Vitória-@xamanicos) 🙏

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Quando assisti o curso para aprovação eu aprendi muitooooooo! Pensa num curso maravilhoso! 🔝🔝🔝💪 .
.
.
repost @institutoapp
Novidade IAPP para nutricionistas 🍏  e educadores físicos 💪 !

A Hipertrofia muscular é um ajuste compensatório do organismo em resposta ao exercício físico que provoca micro lesões. Para uma conduta nutricional adequada ao paciente que procura a hipertrofia, o conhecimento fisiológico e bioquímico se torna fundamental.

Você está preparado para atender este público? Nosso novo curso online aborda de uma maneira dinâmica os mecanismos fisiológicos e bioquímicos envolvidos no processo de aumento da massa muscular esquelética – Hipertrofia.
Acesse o site ▶️www.institutoanapaulapujol.com◀️ e inscreva-se. 
A aula começa no dia 28 de março 📆

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

*Enquete: qual você prefere?🤔 #lowcarb ou #lowfat

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Oba!😊 Tem presente do Dia da Mulher no @institutoapp 👏👏👏👏👏👏 Corre lá que tem 20% de desconto em toda a loja 😱, incluindo meu curso presencial exclusivo de Low Carb e Jejum Intermitente.😁 Sugestões de cursos online (meus queridinhos...🤗)
1⃣Jejum Intermitente
2⃣ Interpretação de Exames Laboratoriais
3⃣ Estratégias Avançadas no Emagrecimento
4⃣ Dietas da Moda

Cursos 🔝🔝🔝 www.institutoanapaulapujol.com.br
🌺 Feliz dia da mulher! 🌺

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

🤔🤔🤔 E por muitas vezes o bom senso supera o consenso.
.
.

Livro: Antônio Moser e André Marcelo Soares. Bioética. Do consenso ao bom senso. Ed. Vozes (2006)

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

A "dieta" ou padrão paleo exclui todos os cereais, grãos e leguminosas (ex: arroz, feijão, milho, trigo, centeio). .
.
O que os defensores da dieta alegam é que a agricultura surgiu somente há 10.000 anos (parece muito, mas perto de 2,6 milhões de anos dos primeiros hominídeos homo não é ) e que não tivemos “tempo suficiente” para geneticamente nos adaptarmos à estes alimentos. .
.
Outro argumento são os fatores antinutricionais (que diminuem a absorção de nutrientes) presentes destes alimentos.

1⃣Será que o nosso DNA não mudou “nada” em 10.000 anos?

Nós não paramos de evoluir no Paleolítico simplesmente. Nossos dentes, mandíbulas e rostos ficaram menores, e nosso DNA mudou desde a invenção da agricultura. Cerca de 10% do nosso genoma mostra evidência de seleção recente.

Uma evidência é a tolerância à lactose. Há 10.000 anos, nenhum dos nossos ancestrais tinha a habilidade de digerir a lactose depois de adultos.  Depois que os seres humanos começaram a pastorear gado e consumir leite, eles passaram produzir a lactase após a infância (ao menos parte da população). .
.

2⃣Nossos ancestrais realmente não comiam grãos?

Esta imagem da foto foi extraída de um artigo científico na área de paleobiologia  e mostra vestígios de amido (cevada, leguminosas, plantas desconhecidas) crus e cozidos em dentes de fósseis há 100.000 anos.😱 Não seria tempo suficiente para nos adaptarmos?🤔
.
. 3⃣Estes fatores antinutricionais (como o ácido fítico, lecitinas e inibidores de proteases) de grãos e leguminosas são prejudiciais?

O ácido fítico desempenha muitos efeitos benéficos, tais como atividade antioxidante, proteção do DNA, atividade prebiótica, apresenta efeitos anticancerígeno e reduz a biodisponibilidade de metais pesados ​​tóxicos como o cádmio e o chumbo.

Lecitinas e inibidores de protease são praticamente eliminadas com cozimento. Uma vez desnaturados, os inibidores de protease têm vários efeitos vantajosos, incluindo o uso como agentes anti-inflamatórios e anticancerígenos.

4⃣ Para refletir...💭 se olharmos para 2050, quando teremos o acréscimo de mais de 2 bilhões de pessoas, as escolhas alimentares podem ter repercussões dramáticas para o planeta? 🤔🐄🐖🐔🌿🌍

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

O objetivo deste post não é argumentar se as dietas LCHF são superiores à outras estratégias dietéticas para qualquer resultado específico de saúde. Mas sim, um pedido aos colegas nutricionistas para expandir a visão e aumentar o nível de percepção para as evidências escancaradas na literatura relacionadas aos efeitos desta estratégia.
.
.

Este post foi baseado em uma revisão narrativa embasada a partir de estudos muito bem selecionados metodologicamente (que aliás, tive a oportunidade e de ler um a um).
.
.
.
Ele foi publicado recentemente em um periódico com alto fator de impacto e possui Qualis A1 pela CAPES.
.
.
.
O que diz o artigo?
👇

A concentração de colesterol total e LDL-colesterol mostram uma resposta variável e altamente individual às dietas de LCHF, e devem ser monitoradas em pacientes que aderirem a esta dieta.
.
.
.
Em contraste, as evidências disponíveis de estudos clínicos e pré-clínicos indicam que as dietas de LCHF melhoram consistentemente todos os outros marcadores como glicose,, insulina, triglicerídeos, ApoB, níveis de hemoglobina glicada (HbA 1c ), pressão arterial e peso corporal, enquanto aumentam a concentração de colesterol HDL e revertem a doença hepática gordurosa não alcoólica (NAFLD). .
.
.
Esta combinação particular de modificações favoráveis ​​a todos estes fatores de risco é um benefício exclusivo para as dietas LCHF. Esses efeitos são provavelmente devidos em parte à redução do apetite e diminuição da ingestão de calorias ad libitum, comum a dietas de baixo teor de carboidratos, aliado a uma redução na hiperinsulinemia e reversão de NAFLD. .
.
.
Embora as dietas de LCHF possam não ser adequadas para todas as pessoas, as evidências disponíveis mostram que este plano de alimentação é uma opção dietética segura e eficaz a ser considerada. As dietas LCHF também podem ser particularmente benéficas em pacientes com dislipidemia aterogênica, resistência à insulina e o NAFLD frequentemente associadas.
.
.

Referência:📓
Noakes TD, Windt J Evidence that supports the prescription of low-carbohydrate high-fat diets: a narrative review Br J Sport. Med 2017;51:133-139.
👇
IMPACT FACTOR 6.724
Foto: @xamanicos
#lowcarb #lchf
More...