Ana Paula Pujol (@anapaulapujol) [similar]

Nutricionista, professora e palestrante. Atend. em consultório há 16 anos Autora dos livros Nutrição Estética e Manual de Nutricosméticos (47)33655531

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Reconhecido como cofator em mais de 300 reações bioquímicas. 😱
.
.
.
➡️Como avaliar a deficiência de magnésio no consultório?
.

O teste mais comum e para a avaliação rápida de alterações no estado de magnésio é aconcentração sérica de magnésio, embora os níveis séricos tenham pouca correlação com os níveis de magnésio total do corpo ou concentrações em tecidos específicos, pois a maioria do magnésio está no meio intracelular ou nos ossos e, apenas 0,3% do magnésio total do corpo é encontrado no soro. O limite de referência inferior apropriado da concentração sérica de magnésio deve ser 0,85 mmol / L, especialmente para pacientes com diabetes.
.
.
.
A avaliação clínica dos sintomas de déficit de magnésio são  necessárias. Os primeiros sinais de deficiência de magnésio não são específicos e incluem perda de apetite, ansiedade, dormência, letargia, náuseas, vômitos, fadiga e fraqueza, Dores de cabeça e tensão mandibular.
.
.
.
➡️Onde encontrar o magnésio na alimentação?

O  consumo de água é responsável por média 10% da ingestão diária de magnésio. A clorofila (e, portanto, verduras escuras como o espinafre) é a principal fonte de magnésio.
.
.
.
Nozes, sementes e cereais íntegros (não processados) também são ricos em magnésio. Alguns tipos de processamento de alimentos, como o refinamento de grãos em formas que removem o germe rico em nutrientes e farelo, reduzindo consideravelmente o teor de magnésio no alimento. Leguminosas, frutas, peixe e carne têm uma concentração intermediária de magnésio. .
.
.
➡️Como suplementar o magnésio?
.
.
.
➡️Dose: 4 a 6 mg/kg de peso corporal ➡️Forma biodisponível: sais de magnésio ligados orgânicos, tais como citrato, gluconato ou aspartato de magnésio.
.
➡️ absorção intestinal não é diretamente proporcional à ingestão de magnésio, mas depende principalmente do nível de magnésio no corpo. Quanto menor o nível de magnésio, mais o mineral é absorvido no intestino, assim a absorção relativa de magnésio é alta quando a ingestão é baixa e viceversa. ➡️Combina com: cálcio, vitamina D e manganês ➡️Efeito adversos: A suplementação de magnésio é bem tolerada, mas pode causar sintomas gastrointestinais, incluindo diarréia, náuseas e vômitos.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Modéstia a parte, este material desenvolvido pela equipe de nutricionistas (6 lindas e inteligentes nutris😍🤓), ficou excelente! Pronto para pesquisar na prática clínica.

repost @institutoapp
[Ebook EXCLUSIVO IAPP+ ✅] Interações entre plantas 🌿 e fármacos 💊 podem levar a alterações farmacológicas e ainda a toxicidade do medicamento.

Acabamos de postar 📥 no nosso Portal Premium, o IAPP+, um ebook com as principais interações entre fitoterápicos e medicamentos.

Clientes do @dietone7 também são presenteados com o material.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

🙋Minha palestra será no dia 20 de maio com o tema "Recursos Nutricionais para Redução e Remodelação do Tecido Adiposo". Repost @nutricaoesteticabrasil
Três dias de conhecimento e experiência com os maiores nomes da Nutrição e Estética. Participe do Pré-Congresso que será no dia 18 e no Congresso do 4° Meeting Brasileiro de Nutrição Estética dias 19 e 20 de Maio em São Paulo e tenha acesso à palestras atualizadas e novidades do mercado.

Inscreva-se: www.nutricaoesteticabrasil.com.br

#MBNE2017 #NutricaoEsteticaBrasil #19e20deMaio #PalestranteMBNE2017

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

O efeito lipogênico dos carboidratos dependem de vários fatores como:
.
.
.
1)Quantidade consumida: Excesso de carboidratos estimulam insulina, um hormônio antilipolítico, estimulante da Lipogênese pela via enzimática da LDN (Lipogênese de Novo), que converte carboidratos em ácido palmítico (gordura), inibem PGC1 alfa e AMPK ( estimulantes da biogênese mitocondrial e oxidação Lipídica).
.
.
.
2) Tipo de carboidrato: se forem íntegros, não refinados, acessíveis à microbiota intestinal, de baixa a moderada resposta glicêmica, com fitoquímicos e fibras, menor a resposta lipogênica.
.
.
.
3)Nível de sensibilidade à insulina: quanto mais resistente à insulina menor a quantidade necessária de carboidratos para ativar a Lipogênese. .
.
.
4) Polimorfismos genéticos para o metabolismo de carboidratos: pessoas com Polimorfismos do gene FTO, MC4R, PPARgama tendem a não metabolizar muito bem alta quantidade de carboidratos.
.
.
.
5) Conteúdo calórico: em um contexto hipocalórico é bem provável que o carboidrato não vai estimular Lipogênese.
.
.
.
6) Tipo de fibras musculares: pessoas com predominância de fibras de contração lenta, vermelhas ou oxidativas (do tipo I ou IIa) metabolizam melhor.
.
.
.
7) Nível de gordura no fígado: na Esteatose Hepática o estímulo lipogênico hepático pela insulina, glicose e frutose são mais expressivos.
.
.
.
8) Momento consumido: por exemplo, a resposta lipogênica ao consumo de carboidratos após o jejum noturno ou no pós treino intenso é menor do que no período noturno, sem exercícios e antes de dormir.
.
.
.
9) Homens, jovens e treinados metabolizam melhor.
.
.
.
Carboidratos não são vilões! Até aqueles de alto IG e refinados podem ser consumidos como exceção (regra dos 80/20).
.
.
.
Mas sim, a quantidade e qualidade de carboidratos podem refletir no aumento de gordura corporal, obesidade, risco cardiovascular, diabetes, acne, síndrome dos ovários policísticos e até mesmo nas doenças neurodegenerativas.
.
.
.
Low Carb moderada e do tipo mediterrânea é a que eu acredito ser a opção mais viável para Saúde e Estética(ao menos para a maioria).
.
.
Para elaboração de um plano alimentar individualizado, procure um nutricionista!

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

No post anterior abordei a dificuldade na escolhas alimentares na era do terrorismo nutricional.
.
.
.
Sabemos que a Nutrição é uma ciência cheia de controversias e verdades transitórias, mas, grande parte do que escrevi no post anterior é verdade (infelizmente). 😒
.
.
Alimento real, "limpo", não modificado, comida de verdade, alimento puramente saudável estão escassos.
.
.

Entretanto, as escolhas alimentares não estão atreladas somente ao conteúdo nutricional, ou se o alimento "faz bem ou não", mas também ao lado social, afetivo, cultural, socioeconômico e ao PRAZER.
.
.
.
Em tudo há comida! E comida boa!!! Comida que conforta, que sacia, comida que une.💑
.
.
OK Ana, o que fazer então? 🤔
.
.
Equilíbrio talvez não seja a palavra certa porque denota duas forças contrárias com o mesmo peso 50%/50%.
.
.
.
Então, prefiro sugerir a regrinha dos 80/20! .
.
.
80% de alimentos que promovam saúde e no máximo 20% daqueles que não estão no rol de alimentos considerados "saudáveis".
.
.
.
O nosso corpo possui inúmeras formas de metabolizar e desintoxicar esses 20%. A natureza é sábia!
.
.
.

Obviamente essa "regra" para alguns é inviável(se um celíaco consumir glúten, por exemplo é um problemão), mas para a maioria é viável.
.
.
Penso que a nossa vida não é feita somente para escolher, comprar alimentos, buscar receitas, preparar, "marmitar" e comer. Há muitas outras coisas para cuidar, dependendo das prioridades de cada um é isso é completamente INDIVIDUAL e cada um tem o SEU tempo!
.
.
.
A resposta aos alimentos consumidos também é INDIVIDUAL, e como os recursos de análise genética ainda não estão disponíveis para todos e nem tão pouco a nutrição ideal para cada o perfil, vamos pelo que faz bem para a maioria e avaliando as respostas individuais.
.
.
.
Se tem algo que faremos até o final da vida é comer. E se associarmos​ o comer com culpa, medo e terrorismo pode ter certeza que é a saúde EMOCIONAL que será afetada e bem provável refletirá na saúde integral do indivíduo.
.
.
O consenso é importante, Mas, se o BOM SENSO não prevalecer o nosso papel de facilitador da saúde integral se perderá.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Carboidrato ENGORDA. Mas, se seu cortar o carboidrato obviamente vou consumir muita proteína e/ou gordura.😕
.
.
.
Excesso de proteínas reduz a expectativa de vida, contribui para disbiose intestinal, aumenta o risco para cálculos renais e elimina cálcio do organismo.😖
.
.
.
Excesso de gordura, principalmente saturada, provoca aumento da permeabilidade intestinal, inflamação (ativação dos TLRs, NFKb), sobrecarga hepática e resistência à insulina. 😟
.
.
.
Glúten faz mal, água tem xenobióticos (desodorante e maquiagem também), frutas além de agrotóxicos, têm frutose e excesso de frutose engorda e aumenta gordura no fígado #sqn.😧
.
.
Produtos industrializados então.. nem pensar, são cheios de veneno! Doces possuem alto índice glicêmico, inflamam e envelhecem.
.
.
Leite, outro veneno cheio de hormônios (e pode ter formol). Iogurte probiótico não adianta porque os Lactobacillus morrem na prateleira do supermercado😩
.
.
Não temos mais nenhum nutriente no solo, precisamos suplementar tudo.😰
.
.
.
Omega 3 é fundamental porque não comemos peixe e, falando em peixe... Está cheio de metais pesados.😨 A carne vermelha pode ter papelão e está associada à redução da expectativa de vida e câncer de cólon😲
.
.
.
Ah, se não for vegetariano está contribuindo para acabar com o meio ambiente e não tem coração. Você comeria seu cachorro? 🐕(Essa eu já ouvi..e fiquei 6m sem carne)😞
.
.
O que sobrou? Vamos de ovos🍳? Ovos em excesso aumenta o colesterol e pode provocar alergia. 😱
.
.
Vamos fazer o ovo no óleo de coco ou azeite de oliva? O óleo de coco "agora faz mal", o azeite de oliva libera peróxidos no aquecimento #sqn.😩
.
. Então, que tal fazer sem óleo? Pode aumentar em até 5 vezes o nível de AGEs. 🙁
.
.
Feijão? Não! Nossos genes não estão adaptados para comer feijão pois chegou há 10.000 anos (só) e a onda agora é paleo.🙃
.
.

Tive uma ideia!!!! 💡☺️Essa resolve TODOS os meu problemas☺️: vou fazer jejum!!! É isso! Agora o jejum faz bem!!!! Pronto tá resolvido! 🤗Mas....
O jejum pode desregular o centro da fome e aí, eu como tudo o que eu escrevi acima (dobrado) 😩
Não é fácil ser humano e ter que comer comida. .

Bem vindo à era do terrorismo nutricional.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

repost @institutoapp

O curso presencial de Dietas Low Carb/Higth Fat e Jejum Intermitente segue em várias cidades do Brasil ao longo do ano.

Confira as cidades que estaremos e garanta sua inscrição com valor de primeiro lote. As vagas são limitadas!

Veja o valor, local e faça sua inscrição no site: http://www.institutoanapaulapujol.com.br/cursos/cursos-presenciais.html

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

🍵🍓🍎KAEMPFEROL: é um fitocomposto do grupo dos  polifenóis, de baixo peso molecular, presente em diversos vegetais. .
.
.
🍵🍓🍎 É um potente antioxidante, anti-inflamatorio, influencia hormônios e enzimas, incluindo sirt1 e tiroxina (T3), evita a oxidação da LDL e inibe a  infiltração celular de monócitos na íntima,  bloqueando a MCP-1. Esta proteína tem sido apontada como uma das principais causas da desorganização da íntima e do crescimento da placa ateromatosa.
.
.
.
🍵🍓🍎 Kaempferol e quercetina parecem atuar sinergicamente reduzindo a proliferação de células cancerígenas – o efeito da associação de ambos é maior do que a ação de cada um individualmente. .
.
.
🍵🍓🍎Outro aspecto interessante sobre o kaempferol é a constatação de que o composto exibe ação anti-inflamatória, atuando na modulação das enzimas cicloxigenases. Isto significa dizer que ele contribui para diminuir subprodutos peroxidados, especialmente hidroperóxidos que provocam aumento na resistência à insulina e obesidade.
.
.
.
🍵🍓🍎As pesquisas com Kaempferol mostram que este nutracêutico apresenta importantes ações pró-lipolíticas com atividadade inibidora da Ácido Gordo Sintase (FASN), enzima responsável pela conversão de carboidratos em gordura no fígado (Lipogênese de novo). Comparado com as catequinas no Chá verde e Apigenina, o kaempferol foi mais potente, porém, menos potente que a quercetina e luteolina.
.
. 🍵🍓🍎Em longo prazo, o Kaempferol pode reduzir a formação de adipócitos fazendo com que as células estaminais (células da medula óssea) favoreçam a osteogênese (formação óssea) em vez da formação de células gordurosas. .
.
.
🍓🍎Fontes Alimentares: Brócolis, maçã, morango e feijão. .
.
.
🍵🍵Chás: boldo, erva mate, chá verde e chá preto. ⚠️Por estar na forma glicosídica, necessita da microbiota para transformar-se em aglicona e tornar-se bioidisponível. .
.
.
⚠️ consumo de kaempferol reduz a biodisponibilidade do ferro e / ou reduz os níveis de ácido fólico nas células e consequentemente, pode causar alguns efeitos anormais em pacientes com deficiência de ferro e / ou ácido fólico. .
.
.
📙Referências no comentário:👇

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

🆕 Tive a oportunidade de assistir a palestra pessoalmente no evento e agora, com calma, a palestra gravada da minha colega que tanto admiro @dfseixas!
.
.
.

A estratégia de ensino online🎥 é fantástica!😊Consigo apertar no pause⏸️, anotar 📋e refletir💭🤔. Play▶️ novamente, e continuar assistindo. E na hora que eu puder, pois fica disponível 24 horas⏰ por dia! 😉Ao vivo nem sempre é possível!⏳
.
.
. “Estratégias nutricionais para otimizar a perda de gordura e o ganho de massa magra” aborda desde a hidratação 💦 , o consumo de proteínas, a suplementação de aminoácidos, a distribuição das refeições e os fitoquímicos de fonte alimentares.

Imperdível🆕

Inscreva-se no site: www.institutoanapaulapujol.com

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Para potencializar a eficácia e biodisponibilidade dos suplementos manipulados é muito importante considerar a base farmacêutica utilizada, a interação entre nutrientes e fitoterápicos e a combinação de ativos. 💊
Algumas combinações inteligentes utilizadas na prática da Prescrição Magistral:
🔽
💊
⏩Piperina + Curcumina (Piper nigrum + Cúrcuma longa)
🔽
💊
⏩Vitaminas lipossolúveis (A, D, E e K) com base lipofílica
🔽
💊
⏩Resveratrol (trans Resveratrol) + quercetina (forma di-hidrato) com base lipofílica
🔽
💊
⏩Vitamina D, Cálcio, Vitamina K2 e Magnésio
🔽
💊
⏩Terapia intestinal 3P (probióticos, prebióticos e polifenóis)
🔽
💊
⏩Omega 3 e vitamina E
🔽
💊
⏩Creatina + Leucina
🔽
💊
⏩ Vitamina B12 na forma de metilcobalamina em tablete sublingual.

#sinergia #formulacoes #prescricaonutricional

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

E se um paciente te procurasse para ganhar massa e reduzir gordura. Qual seria a sua conduta? 🤔
O segundo vídeo 🎥  do Projeto 30 minutos de Prática Clínica já está disponível ✅ !
Neste vídeo você terá acesso a um estudo de caso 📝 . Trata-se de uma paciente de 24 anos de idade que está no peso adequado, objetiva hipertrofia muscular 💪  e redução de gordura corporal e realiza treino de força 5 vezes por semana ao meio dia. 
Conheça o Plano Alimentar 🥑 e Suplementação 💊 prescritos de acordo com os objetivos da paciente e particularidades do caso clínico.
Acesse o link para assistir:
👉 www.institutoanapaulapujol.com.br/dieta-para-hipertrofia.html

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Em apenas 30g de chocolate amargo atingimos 30% da meta diária de compostos fenólicos.😍🍫
Isso não é maravilhoso? E gostoso! 😜
Feliz Páscoa! 🐇❤️
.
.

Referências 📕 👉Int. J. Mol. Sci. 2014 , 15 (10), 19.183-19.202

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

🌱Substitua temperos industrializados (com glutamato monossódico😨 por ERVAS e TEMPEROS NATURAIS e acrescente muitos compostos biativos que estão associados à inúmeros benefícios como prevenção de Câncer, Modulação da Inflamação, Prevenção da Obesidade, Aumento da Capacidade Antioxidante, diversidade, saúde da microbiota intestinal e Longevidade.
.
.
.
🌱 🌱Encontramos em muitas ervas e especiarias compostos fenólicos em maior quantidade do que muitas frutas e verduras!😯
.
.
. 🌱O glutamato monossódico está associado à resistência à insulina, redução de adiponectina, redução de enzimas detoxificantes, alteração de microbiota intestinal e alteração nos centros da fome e saciedade.😩 🌱Marque seu amigo que ainda usa temperos completos de supermercados do tipo caldos knor e Arisco..😨
.
.
.
Referências 📕 👉Int. J. Mol. Sci. 2014 , 15 (10), 19.183-19.202
👉Food Chemistry 154. 2014: 299-307.
👉Analytical and bioanalytical chemistry 408.2 (2016): 567-578
👉Life sciences 133 (2015): 15-20.  #ervasetemperos #compostosbioativos

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

☕️Cada um de nós responde diferentemente à cafeína com base na nossa composição genética. ☕️Alguns precisam consumir pouco café para sentir os seus efeitos enquanto outros perdem o sono se tomarem uma xícara de café expresso à tarde. Esta diferença pode ser atribuída à eficiência em metabolizar a cafeína devido à variação de um gene que expressa uma enzima chamada citocromo P4501A2 (CYP1A2). ☕️A substituição do um nucleotídeo C numa região específica de gene resulta na redução da atividade desta enzima. ☕️Pessoas que possuem uma lenta metabolização de cafeína possuem maior o risco de doença cardiovascular e ataque cardíaco se consumirem mais que 2 xícaras de café por dia (200 mg de cafeína), ao passo que para os "metabolizadores" rápidos de cafeína, 1 xícara por dia evitaria ataque cardíaco. ☕️Por isso, para os "metabolizadores" lentos de cafeína os efeitos benéficos do café não seriam expressos. ☕️Como saber como você metaboliza a cafeína? A melhor forma é por meio de exame genético. Isso porque muitas vezes quem toma muito café desenvolve resistência à cafeína e os sintomas (insônia, ansiedade e agitação) não são expressos. Mas, para quem não toma muito café e sente agitação ao consumi-lo é um bom indício que não é um bom metabolizador dá substância.

#diadocafé #cafe

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

🆕🆕🆕🆕🆕🆕🆕🆕🆕🆕🆕🆕 Confira as cidades que vão receber ainda este ano a Pós-graduação em Nutrição Clínica, Funcional e Fitoterapia.
Inscrições e informações no site: http://www.institutoanapaulapujol.com.br

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Bom Dia!
Sempre recebo perguntas sobre Jejum Intermitente, mas evito fazer publicações em redes sociais porque são informações voltadas para profissionais e que podem ser mal interpretadas por leigos.
.
.
.
Protocolo de Jejum Intermitente pode ser uma estratégia (não uma regra) viável e favorável ao emagrecimento e Saúde.
.
.
.
Entretanto, é importante entender os mecanismos bioquímicos, endócrinos e moleculares, os protocolos realizados em estudos experimentais, os vieses das pesquisas, efeitos adversos, bem como as contraindicações do J.I

Confira no Blog um parecer sobre Jejum Intermitente 👉www.institutoanapaulapujol.com.br/parecer-tecnico-jejum-intermitente

#lowcarbmediterraneandiet #intermittentfasting #jejumintermitente

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

🌱A prescrição de fitoterápicos pelo nutricionista ainda é tema de muitas dúvidas entre os profissionais e acadêmicos de nutrição, especialmente devido à revogação das Resoluções CFN nº. 525/2013 e 402/2007 pela Resolução CFN nº. 556/2015 em maio de 2015.
.
. 🌱Por isso, segue algumas importantes considerações sobre a legislação vigente:

1⃣A prescrição de fitoterápicos (chás, cápsulas, etc) está liberada até 2018;
.

2⃣A partir de 2018 será necessário título de Especialista em Fitoterapia;
.

3⃣Quem pode conferir Título de Especialista em Fitoterapia é somente a ASBRAN (Associação Brasileira de Nutrição) e estará disponível somente a partir de 2018;
.

4⃣ Atualmente nenhuma Pós-graduação habilita o nutricionista a prescrever fitoterápicos, mas pode fornecer conhecimento necessário para realização da prova pela ASBRAN, quando esta estiver disponível.
.

5⃣Quando um aluno conclui uma pós-graduação lato sensu ou stricto sensu em Fitoterapia, por exemplo, ele poderá intitular-se “Pós graduado em Fitoterapia ” e não “Especialista em Fitoterapia”.
.

6⃣A partir de 2018 quem não tiver o título de especialista em fitoterapia pela ASBRAN poderá prescrever somente plantas medicinais e chás.
.

7⃣Alunos que iniciaram ou concluíram a pós-graduação na área de fitoterapia antes do dia  14 de maio de 2015 não precisarão fazer a prova pela ASBRAN.
.
.
. 📕Referências👇
🌱http://www.asbran.org.br/noticias.php?dsid=1338 🌱http://www.cfn.org.br/index.php/alerta-sobre-cursos-de-especializacao-em-fitoterapia/
www.cfn.org.br/eficiente/repositorio/legislacao/resolucoes/583.pdf 🌱www.cfn.org.br/novosite/pdf/res/2008/res416.pdf 🌱www.cfn.org.br/wp-content/uploads/2015/06/Resol-CFN-556.pdf 🌱www.cfn.org.br/novosite/pdf/res/2007/res402.pdf

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Como muitos outros bioflavonoides, a quercetina tem propriedade antioxidante, antiarterogênica, e anticancerígena.  Além disso, é um excelente estimulante da biogênese mitocondrial e do PGC1-alfa contribuindo para a betaoxidação lipídica, sensibilidade à insulina e performance esportiva.
🌶️
🍎
Para melhorar a biodisponibilidade e potencializar os resultados, pode ser combinada com outros ativos: 👉 Combinar  Resveratrol, por exemplo, seria uma ótima estratégia para na ativação de AMPK e PGC1 alfa (na célula) ou aumento da biodisponibilidade (no intestino). Como a quercetina é um potente inibidor das sulfuro transferases intestinais e hepáticas, aumentaria a biodisponibilidade de compostos que sofrem extenso metabolismo intestinal por meio desta metabolização, como  é o caso do Resveratrol .
🍎
🍇
🌶️
Combinar quercetina com  Chá Verde aumentaria a inibição da catecol-o-metil transferase e a  biodisponibilidade de Catequinas do fitoterápico, estimulando a lipólise.
🍎
🍇
🌶️
 Já a combinação com apigenina reduziria a  transcrição da enzima aromatase (que aumenta a  a  conversão da androstenediona a estrona)
🌶️
🍇
🍎
Os glicosídeos de quercetina (proveniente dos alimentos) apresentam uma absorção de 52 +/- 15%, a quercetina do chá 17 +/- 15% e a quercetina aglicona do suplemento apresenta uma média de de 24 +/- 9% de absorção. Porém, se o suplemento estiver na forma de quercetina di-hidratada a biodisponibilidade é acima de 50% (verifique na farmácia de manipulação a forma disponível de quercetina)
🌶️
🍎
🍇
Devido à absorção linfática ser otimizada após administração de ácidos graxos de cadeia longa (LCFAs), sugere-se associar uma fonte alimentar de quercetina com gordura ou quando manipular o bioflavonóide utilizar base lipofílica.
🌶️
🍎
 Apesar da quercetina ser atrelada à fontes alimentares como maçã e cebola, outros alimentos tem um teor mais elevado de quercetina como:
👉Cebola – 347/👉Brócolis – 219/👉Pimenta vermelha – 800/👉Manga – 469/👉Amora – 359/👉Damasco – 322👉Maçã – 67😉🍎
🍇
🌶️
A microbiota é fundamental para aumentar a biodisponibilidade da quercetina e esta contribui para a diversidade da microbiota 💩😉
#compostosbioativos #nutricaopersonalizada

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Bom Dia! Post fantástico do meu colega @rodrigomendanhanutri🤗👉
🌶️🌶️🌶️
Pimenta liberando Endorfina, já ouviu falar ? SIM! Elas provocam a liberação de endorfinas (efeito de morfinas - relaxamento e bem-estar), que são potentes analgésicos naturais que o nosso cérebro fabrica! O mecanismo é simples, então acompanhe: No momento da ingestão de algum alimento apimentado, os compostos bioativos capsaicina ou a piperina, irão fazer a ativação de receptores super sensíveis na boca e na língua. Estes receptores irão transmitir ao cérebro uma "falsa mensagem de proteção", sinalizando que a cavidade oral pode estar pegando fogo (devido a forte pungência). Tal informação, gera prontamente uma resposta do cérebro no sentido de salvá-lo desse "fogo": a salivação aumenta, a transpiração vai aparecendo, o nariz provavelmente ficará úmido, tudo isso com o intuito de refrescar a região "em chamas"
🌶️🌶️🌶️ Embora a pimenta não tenha provocado dano físico real, seu cérebro, enganado pela informação que sua boca estava pegando fogo, inicia a fabricação de endorfinas, provocando uma sensação de bem-estar, euforia, um estado alterado de consciência muito agradável, causado pela grande quantidade de morfina no cérebro. 🌶️🌶️🌶️
E não para por aí: as substâncias picantes das pimentas (capsaicina e piperina) melhoram a digestão, estimulando as secreções naturais do estômago, possuem efeito carminativo (antiflatulência), antioxidante e servem como um potente anti-inflamatório natural.
🌶️🌶️🌶️ Todas as variedades de pimentas são fenomenais para modulação de alguns genes relacionados com o acúmulo de gordura corporal, inflamação (perfil inflamatório) e dores. 🌶️🌶️🌶️
Além da capsaicina/capsiato/piperina, a pimenta fresca é fonte das vitaminas A e C, niacina, piridoxina, riboflavina, potássio, manganês, magnésio e ferro. Como se não bastasse, tem uma excelente composição de fitoquímicos tais como: Beta-Caroteno, Kaempferol, Quercetina, Zeaxantina, Criptoxantina e Luteína.
🌶️🌶️🌶️
Já se sentiu mais saciado ao adicionar a pimenta nas refeições ? Isso porque ela promove ação no Sistema Nervoso Simpático com aumento da liberação de catecolaminas, diminuindo o apetite e estimulando saciedade.
More...