Ana Paula Pujol (@anapaulapujol) [similar]

Nutricionista, professora e palestrante. Atend. em consultório há 16 anos Autora dos livros Nutrição Estética e Manual de Nutricosméticos (47)33655531

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Presença confirmada no IV Congresso Brasileiro de Nutrição Estética na Cidade de Curitiba, PR, de 7 a 9 de abril.😱
.
.
.
O tema abordado será "A orquestra Metabólica na Oxidação Lipídica: como estimular a expressão de genes para oxidação de gordura corporal".😊
.
.
.
Informações e inscrições pelo site:
https://www.congressoscuritiba.com.br/ ou no Instagram @congressonutricaoestetica
#nutricaoestetica #lowcarb

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

E a próxima cidade é Belo Horizonte! 😊😊😊😊 Vagas limitadas!!!
.
.

informações e inscrições no site do @institutoapp www.institutoanapaulapujol.com

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Achou que eu iria colocar uma das tuas fotos maras, tumblers?
😝😝😝 .
.
Na real, eu tenho uma filha com 15 anos😱😱.
.
.
Uma menina mulher linda, espontânea, resiliente, divertida, alegre e crica... Muito crica...😕 .
.
.
Sou muito grata por ter você na minha vida, você torna os meus dias muito mais alegres, divertidos e com mais música (funk...Rap...😨)
.
.
.

Filha peço a Deus muita sabedoria e paciência (kkkkk) para te conduzir e orientar para o caminho do bem, do amor, sendo você, singularmente você, porque caminho "certo", nem mesmo eu sei...
.
.
.
Nosso amor é forte e para sempre. Ele sempre será a melhor resposta para todas as nossas perguntas.
.
Parabéns pelos teus 15 anos!

Te amo...Mais que tudo...(o restante da frase tu completa amanhã...😉)🤐

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

O consumo de uma única refeição com alta quantidade de gordura saturada (equivalente a dois cheeseburgers com bacon e uma grande porção de batatas fritas ou duas pizzas de calabresa)🍔🍟🍕 reduz a sensibilidade à insulina, provoca aumento dos depósitos de gordura e alterações no metabolismo energético do fígado. 😱
.
.
Os resultados do estudo, publicado nesta semana, fornecem informações sobre as mudanças iniciais no metabolismo do fígado que, em longo prazo podem levar a doença hepática gordurosa e diabetes tipo 2.
.
.
O interessante no estudo é que uma dose única de óleo de palma (fonte de gordura saturada) causou um rápido e direto efeito no fígado mesmo em pessoas saudáveis e magras.🤔
.
.
Imaginem se o mesmo estudo fosse realizado em pessoas com sobrepeso?🤔
.
.
✔️A resistência induzida à insulina leva a formação de gordura no fígado com uma diminuição da absorção de açúcar nos músculos esqueléticos - um mecanismo que faz aumentar o nível de glicose em pessoas com diabetes tipo 2 e seus pré-estágios. Além disso, a resistência à insulina do tecido adiposo provoca uma maior liberação de gorduras na corrente sanguínea, que por sua vez continua a promover a resistência à insulina. O aumento da disponibilidade de gordura pode levat a um aumento da carga de trabalho para as mitocôndrias, o que pode, em longo prazo, sobrecarregar essas usinas de energia celular e contribuir para o aparecimento de doenças hepáticas e cardiovasculares.😨 .
.
✔️As consequências no consumo frequente destas refeições pode levar a danos muito piores, especialmente em pessoas com sobrepeso, obesidade ou sedentárias. .
.
.
Ressalto que todo o contexto alimentar deve ser avaliado e que a sequência e frequência no consumo é o que determina o efeito. .
.
. 👉Dieta high fat, só se for do "tipo mediterrânea" e com os devidos ajustes dietéticos.👍🍉🍇🍋🍍🍌🍓🍒🍎🍆🍫 .
.
.
Consulte um nutricionista!
.
.
.
Fonte:
Hernández, E. A. et al. Acute dietary fat intake initiates alterations in energy metabolism and insulin resistance. Journal of Clinical Investigation, 2017; 127 (2): 695
.
.
.
Disponível na íntegra em: https://www.jci.org/articles/view/89444

#lowcarbhighfat #lchf

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Fortaleza, CE estou a caminho 🛩️ 😀😀😀😀
Animadíssima para compartilhar com meus colegas evidências científicas aliadas à prática clínica, não com o objetivo de convencer ou persuadir Práticas Nutricionais, mas sim, mostrar os caminhos e controvérsias que a Ciência da Nutrição tem apresentado baseados em estudos publicados em revistas de alto impacto aliados à bioquímica e prática de consultório.

Obrigada pela confiança.🙌 repost @institutoapp
Atenção Fortaleza, as vagas para o curso presencial de Dietas Low Carb e High Fat/Jejum intermitente que acontece no próximo sábado, 18 de fevereiro, com a Dra. Ana Paula Pujol estão esgotadas.

A aula vai acontecer no Quality Hotel (Av. Beira Mar, 2340 - Meireles, Fortaleza - CE, 30165-121) das 9h às 12h e das 14h às 18h30min.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

De vez em quando ouço as pessoas dizerem que fazer dieta é caro e que não tem dinheiro para manipular ou comprar suplementos.🙄
.
.
.
Não concordo, porque comida de verdade é barata! É a comida da feira, que vem da natureza e não passa pela indústria, é a comida que naturalmente não contém glúten. .
.
.
Alguns ingredientes funcionais podem encarecer o plano sim, entre eles, as oleaginosas, óleos especiais, salmão, produtos sem lactose, sem glúten, gogybery, entre outros. Mas é possível adaptar!
.
.
.
Sempre digo para os meus pacientes que entre o ideal e o real há o VIÁVEL. E assim, ajusto o plano alimentar com o paciente.
.
.
.
Da mesma forma faço com a suplementação. Eu procuro prescrever o que há de melhor e realmente necessário para os meus pacientes, mas as vezes o investimento em longo prazo (especialmente quando o tratamento é longo) não se torna viável, e então, adapto com suplementos mais acessíveis ou mantenho somente a alimentação (que é o responsável pela maior parte do resultado).
.
.
.
Penso que tudo na vida é uma questão de prioridade. Tudo bem não comprar um suplemento porque é mês de pagamento de IPVA ou porque ocorreu algum imprevisto financeiro. Mas sinceramente, vejo algumas pessoas que reclamam que é caro, gastam R$ 300,00 num sapato e não querem investir em prevenção😒. .
.
.
É mais barato cuidar da saúde do que da doença.🤔
.
.
.
Pense bem no que você investe! Invista em qualidade de vida para depois não gastar com a doença. Mais vale estar saudável com o sapato do verão passado do que com o sapato da moda sem qualidade de vida! #pensenisto

PS: eu amo sapatos 😁👠👠

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Não confunda um dia ruim com uma vida ruim 💭💭💭💭🙏❤️Não é porque um capítulo foi ruim, que você deve desistir da história inteira. 🙏 #boanoite #despertar #consciencia

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

No Brasil, rótulos de pães considerados "saudáveis" normalmente utilizam termos como "light”, “integral” , “rico em grãos, com linhaça ,centeio, quinoa, chia, etc”, 7 , 9 ,12 grãos, “sem gorduras trans “, “ sem açúcar ou gordura”. Porém, na maioria das vezes, não correspondem ao encontrado dentro do produto.🤔 Por isso, o que de verdade importa é avaliar LISTA de INGREDIENTES e a TABELA NUTRICIONAL do produto.👀 .
.
.
Quando se diz que o pão é integral, deveria conter “farinha de trigo integral” nos ingredientes. E esse deve ser o PRIMEIRO ingrediente da lista!
.

O que acontece, é que muitos são adicionados de “fibra ou farelo de trigo “( a mesma coisa ) à farinha de trigo convencional (farinha branca). Porém,se na lista de ingredientes não encontrar farinha de trigo integral, este não é pão integral, e sim, um pão adicionado de fibras .
Infelizmente, a Anvisa permite que um pão ou outro produto alimentício possa ser preparado com farinha de trigo refinada mais farelo (ou fibra) de trigo e ser chamado de “integral”, e nem tão pouco especifica o mínimo de farinha integral para o produto ser considerado integral. Logo, as indústrias têm o direito de comercializa-los dessa forma.

E ainda , na área dos ingredientes , deve-se levar em conta que, por ser um produto como qualquer outro industrializado, é repleto de conservantes , acidulantes , aromatizantes e melhoradores de farinha(é só observar no fim dos ingredientes ). Outro comum ingrediente encontrado em pães ditos 100% integrais é adição de glúten😱! E normalmente é o segundo ingrediente.😒 Fuja também dos pães que possuem na lista de ingredientes a "Gordura Vegetal" ou "Gordura Vegetal Hidrogenada". É o disfarce da venenosa "Gordura Trans". Na tabela nutricional, observe a quantidade de fibras. Para cada 25g de pão, deve ter pelo menos 2,5g de fibras, ou seja, 10%. .
.
.
Antes que perguntem, não encontrei nenhum pão industrializado no mercado que seja realmente BOM. Digamos que o menos ruim é o que tem é o que tem 100% de farinha integral.
.
.
.
Prefira o pão feito em casa, sem farinha branca e sem aditivos. Em casas de produtos naturais é possível encontrar, verifique a Lista de Ingredientes SEMPRE!

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

E por isso as práticas nutricionais são tão complexas.
🙄🙄🙄🙄
.
.
.
Múltiplos fatores complexos influenciam as escolhas alimentares. Mesmo no nível individual, os hábitos alimentares são determinados não apenas pela preferência pessoal, mas também pelas normas familiares, educação, renda, conhecimento, habilidades nutricionais e culinárias, aspectos emocionais e condições de saúde. .
.
.
 Fatores relevantes incluem atitudes em relação à alimentação e saúde, incentivo, motivação e valores. Outros comportamentos de estilo de vida, tais como assistir televisão e sono também influenciam os padrões de consumo alimentar. .
.
.
Fora do indivíduo, os determinantes socioculturais incluem normas culturais, pressões sociais e redes sociais. Outras influências ambientais incluem a acessibilidade local (por exemplo, disponibilidade de alimentos, custo, conveniência). Cada um desses determinantes individuais, ambientais e socioculturais são influenciados, por sua vez, por políticas agrícolas e práticas de produção, formulações e marketing da indústria alimentar, acordos comerciais nacionais e internacionais, outras forças do mercado, clima e políticas agrícolas.
.
.
.
Estes determinantes em cada nível deve ser considerado na elaboração de um plano alimentar e podem representar um obstáculo, mas também uma oportunidade, para incentivar um padrão alimentar saudável.

Fonte (texto e imagem adaptada): Brown GW, Yamey G, Wamala S, eds.The Handbook of Global Health Policy, 1st ed. West Sussex, UK: John Wiley & Sons, Ltd; 2014.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Sei do quão complexo é a transformação de um hábito e a inserção de um novo padrão alimentar. É uma caminhada que dura dias, meses, anos... E quando pensamos que atingimos o patamar de uma alimentação saudável, vem a ciência e desorganiza tudo. Nos faz repensar nossas escolhas e direcionar para outras atitudes. .
.
.
Se para mim, que estudo Nutrição há 20 anos, estou nessa caminhada, imagina para uma pessoa que não tem conhecimento, consciência e motivação para iniciar a mudança? Por isso, não forço mudanças que dependem de inúmeros fatores que fogem do meu trabalho. Eu compreendo.
.
.
.

Quando um paciente chega no consultório eu logo sei se está preparado para iniciar a caminhada. Com empatia eu compreendo que este pode não ser o momento e que não está preparado nem para as mudanças mais simples (quem dirá para mudanças radicais).
.
.
.
Mesmo assim eu não desisto e o trato com muita empatia, ética e motivação porque tenho a plena certeza que ao menos uma semente para um novo hábito foi plantada. Talvez gere frutos ao sair do consultório... Talvez demore anos... .
.
.

Sei que algo sempre fica. É muito, muito gratificante quando o paciente volta (após quinze dias ou 15 anos) replicando minhas falas ou dicas... Saber que gerou algo de positivo na sua vida faz eu me sentir muito grata.
.
.
.
E assim sigo, não por dinheiro, ego ou status, mas por amor e missão de tornar o complicado em simples, o saudável em gostoso e a ciência em um prato de comida.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Para pessoas com resistência à insulina, pré diabetes, obesidade e síndrome metabólica, a estratégia Low Carb do tipo moderada pode ser indicada como uma estratégia eficiente.
------------------
A estratégia #lowcarb moderada possui de 26 a 44% de carboidratos e deve fornecer um nível adequado de fibras e fitoquímicos, priorizando carboidratos de qualidade incluindo grãos integrais, verduras, frutas e legumes e , como exceção à regra, carboidratos refinados e ultra processados perfazendo no máximo 5% do valor energético do plano alimentar.
-------------------------
A quantidade estimada de carboidratos em gramas por dia dependerá de uma série de fatores como: consumo alimentar habitual, valor calórico da dieta, peso corporal, objetivos (emagrecimento/hipertrofia muscular), entre outros aspectos.
---------------------------
Esta tabela da imagem foi elaborada para nortear a prescrição de carboidratos na estratégia Low Carb Moderada por nutricionistas. Ela é parte integrante do curso EXCLUSIVO presencial de Low Carb e Jejum Intermitente. --------------------------
Acompanhe no site www.institutoanapaulapujol.com as datas e cidades agendadas.
------------------------
Low Carb não é carbofobia, é uma estratégia nutricional que deve ser aplicada com várias adequações nos nutrientes por um nutricionista qualificado.
-----------------------
Low Carb sem orientação pode causar disfunções como: esteatose hepática, aumento do risco para DCV, constipação, SIBO, comprometimento renal, estresse oxidativo, resistência à insulina, perda de massa óssea, fadiga, transtornos alimentares, etc...
-----------------
Procure um nutricionista para orientação personalizada.
#lowcarb #nutricaopersonalizada

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

O único tratamento disponível para pessoas com doença celíaca é a adesão a uma dieta sem glúten por toda a vida. .
.
.
Porém, é latente o número de pessoas que buscam uma dieta sem glúten sem ter sensibilidade ou doença celíaca. É fato que o glúten em excesso não faz bem pra ninguém e que pode ser pior para os que são mais sensíveis. .
.
No entanto, a dieta sem glúten dependendo das substituições alimentares pode levar a possíveis desequilíbrios nutricionais, resultando em inadequada qualidade da dieta, além de complicações metabólicas pelo aumento da resposta de insulina e glicose.
.
.
.
Foi o que um estudo recente com o objetivo de avaliar a qualidade nutricional de dietas isentas de glúten verificou. A dieta sem glúten foi considerada fraca em fibra alimentar devido, em particular, à isenção de vários tipos de alimentos naturalmente ricos em fibras (ou seja, grãos integrais) e o baixo teor de fibras de produtos sem glúten que são normalmente feitos com amidos e / ou farinhas refinadas. Micronutrientes como Vit. D, Vit. B12 e folato, além de alguns minerais como ferro, zinco, magnésio e cálcio também estavam deficientes. Além disso, um consumo inadequado de macronutrientes foi verificado devido às escolhas nutricionais realizadas.Em particular, verificou-se um maior teor de ácidos graxos saturados e hidrogenados e um aumento do índice glicêmico e da carga glicêmica da refeição por conta do alto consumo de produtos industrializados ou processados.
.
.
.
Se o objetivo ou necessidade é excluir ou reduzir o glúten, boas escolhas precisam ser feitas. Uma boa substituição do glúten principalmente do trigo e de produtos alimentícios ultra processados por comida de verdade!
.
.
.
 Referência: Vici, Giorgia, et al. "Gluten free diet and nutrient deficiencies: A review." Clinical Nutrition 35.6 (2016): 1236-1241.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

O café é uma excelente opção antioxidante por ser rico em diterpenos cafestol e kahweol, relacionados com o metabolismo lipídico (dislipidemias), os ácidos clorogênicos (cafeoilquínicos, dicafeoilquínicos, feruloilquínicos e p-cumaroilquínicos), que possuem atividade anticancerígena.

Para melhor extração dos compostos bioativos e melhor sabor do café filtrado segue algumas dicas:👌 .
.
1⃣ Utilize água a 90 graus
2⃣ Passe água quente no filtro de papel
3⃣ Coloque o pó de café (10g para cada 200 ml... Dependendo do gosto)
4⃣ Coloque um pouco de água e deixe 30 segundos para o café "estufar"
5⃣ Só após coloque o restante da água e deixe em infusão por 1 minuto ☕️☕️☕️☕️☕️☕️☕️☕️☕️☕️☕️☕️☕️ Para um bom apreciador de café, estas dicas fazem diferença no sabor final.

E quem gosta verdadeiramente do Sabor do café, NÃO utilize nenhum tipo de açúcar ou adoçante!😒 .
.
Um apreciador de café que utiliza açúcar é o mesmo que um enólogo que toma vinho suave...🙄☕️🍷

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Hoje a @katrinepujol preparou um café caprichado, nutritivo e low carb!
.
.
.
Seguindo as orientações da nutri 🔝🔝 @anapaulapujol , legumes no café da manhã, omelete com chia e mamão com farinha de linhaça 😋😋😋😋 ótima dica da nutri👌🏻👌🏻
.
.
.
Dica da Nutri: .
.
A primeira refeição do dia deve ter proteína (ovo), antioxidantes (carotenóides betacaroteno, luteína e zeaxantina do mamão, legumes, ácidos clorogênicos do café) carboidratos de baixa carga glicêmica (mamão, legumes), rico em fibras e um bom perfil de ácidos graxos (chia, linhaça, azeite de oliva)
.
.
.
🔈Objetivos técnicos: 👉modular cortisol, evitar pico glicêmico e insulinêmico, ativar sirtuínas, PGC-1 alfa para oxidação lipídica, promover saciedade por liberação de PYY, CCK, redução de grelina, reduzir o estresse oxidativo, modular mediadores inflamatórios como TNF alfa e NFKapa Beta👌

2) Em uma estratégia LCHF é fundamental um excelente perfil de ácidos graxos dietéticos e antioxidantes, especialmente os polifenóis!

Dia 18/02 estarei em Fortaleza, CE pelo @institutoapp abordando estas e outras dicas da Estratégia Low Carb e Jejum Intermitente.

#lowcarb #lowcarbhighfat #estrategianutricional

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Apresento a Equipe do Centro de Nutrição do Instituto Ana Paula Pujol.😊🎈🎈🎈🎉🎉🎉 .
.
.
Nutricionistas especializadas para atender: crianças, gestantes, adultos, idosos, esportistas, atletas, emagrecimento, cirurgia bariátrica, intolerâncias e alergias alimentares, low carb, jejum intermitente, avaliação por bioimpedância, entre outros.
.
.
.

Contamos também com a psicóloga @dulciane.psicologa que ministra o programa @penseslim e realiza atendimentos individuais.

Camboriú e região precisava de um Centro referência em Nutrição e agora já tem!
Agende sua consulta: (47) 33655531/ Whatsapp (47) 988749754

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

"Em você eu encontrei o meu melhor"❤️💝💞🌛

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

O ganho de peso tem sido tipicamente associado ao excesso de ingestão calórica, mas, como revisto neste artigo do centro de pesquisa da Universidade e Oxford,  sutis mudanças na QUALIDADE DA DIETA estão associados com o ganho de peso em longo prazo. .
.
.

No quesito QUALIDADE DA DIETA, os pesquisadores chamam a atenção para a QUALIDADE dos CARBOIDRATOS.
.
.
.
O ganho de peso associado com doces e sobremesas é aproximadamente o mesmo com grãos refinados.😱😱.
.
.
.

Isso é consistente com evidências que mostram que a rapidez da digestão e das respostas metabólicas do pão branco é similar à do açúcar.
.
.
.

Ou seja, pão branco e açúcar refinado promove o MESMO risco para aumento de peso.😱😱😱
.
.
.
O autor do artigo ressalta que para combater com sucesso a obesidade e diabetes, os pesquisadores e formuladores de políticas públicas precisam mudar o foco da pesquisa e da política pública baseadas  na contagem de calorias para a na qualidade da dieta #concordo  Referência: Mozaffarian, Dariush. "Foods, obesity, and diabetes—are all calories created equal?." Nutrition Reviews 75.suppl 1 (2017): 19-31.

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Está chegando a hora 😱
Abrindo as turmas de 2017 dos cursos presenciais, no dia 18/02 estarei em Fortaleza-CE com o curso: 👉 Dietas Low Carb e High Fat no emagrecimento e aplicações do jejum intermitente na saúde e composição corporal.

A aula acontece no Quality Hotel (Av. Beira Mar, 2340 - Meireles, Fortaleza - CE, 30165-121) das 9h às 12h - 13h30min às 18h ⏰. Não vai perder, né? Garanta sua vaga com valor no site:
➡️ www.institutoanapaulapujol.com.br

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Isso é um café da manhã? 🙄
Observem nos ingredientes quantas vezes as palavras açúcar, açúcar invertido, xarope de glicose, mel, açúcar mascavo, amido modificado aparecem. Estes ingredientes, assim como xarope de milho, frutose, maltodextrina, dextrose, agave e sacarose são açúcares simples/carboidratos refinados/processados😱. Eles estão presentes na maioria dos produtos alimentícios industrializados como biscoitos (até aqueles integrais), cereais, chocolates, sorvetes, barras de cereais, iogurtes, achocolatados, etc... Muitos etc...
.
.
.

O consumo excessivo de carboidratos refinados pode ser um dos principais fatores que levam à obesidade e à disfunção metabólica e conduz à secreção elevada de insulina, a qual, por sua vez, promove a oxidação de glicose, prejudica a oxidação de gordura, facilita  a de novo lipogênese (contribuindo para gordura no fígado) e promove o armazenamento de gordura , enquanto que, ao mesmo tempo que conduz a resistência à insulina, inflamação, e o estresse oxidativo. .
.
.

A combinação de resistência à insulina (RI) e hiperinsulinemia também perturba o metabolismo lipídico e aumenta o risco de doenças cardiovasculares (DCV), a fonte mais comum de mortalidade entre indivíduos com diabetes tipo 2. .
.
.
O excesso de carboidratos refinados e processados, podem exercer efeitos mais deletérios sobre  DCV do que os ácidos graxos saturados, pois podem contribuir para hiperglicemia, RI e aumentar a subclasse do colesterol LDL padrão B, contribuindo para a aterogênese.
.
.
.
A praticidade custa caro, muito caro!🤑👀
.
.
.
Entre este café da manhã e o Jejum, mil vezes o JEJUM!🙄
.
.
.
Repense suas escolhas!

Ana Paula Pujol (@anapaulapujol)

Quando a sintonia é fina, a conexão se estabelece direto no coração.❤️❤️💑🙌
More...